25 Fev 19h30 último concerto Improvisível II

25 de Fevereiro 19h30


Solo 1

Luís Lopes guitarra eléctrica

Com formação nos blues e no rock – Jimi Hendrix é a sua mais detectável influência –, Luís Lopes é um dos mais singulares guitarristas do jazz progressivo e da livre-improvisação praticados em Portugal, à frente de grupos como o Humanization Quartet, com Rodrigo Amado e os irmãos Aaron e Stefan González, e o trio que ouvimos em 2009 no álbum “What is When”, com Adam Lane e Igal Foni. Cada vez mais orientado para uma intervenção “noise”, os seus conceitos vão-no aproximando de algo que poderia fazer um Keiji Haino que tivesse seguido as pisadas de Sonny Sharrock.

Solo 2

Flak guitarra eléctrica

Personagem de topo do rock português, tendo sido um dos fundadores dos Rádio Macau, Flak é também um dos pilares do grupo pop electrónico Micro Audio Waves, recomendado pelo prestigiado John Peel aos microfones da BBC e distinguido pelos Qwartz Electronic Music Awards. Em paralelo, foi-se revelando também como improvisador, ao lado de Nuno Rebelo, Carlos “Zíngaro”, Rodrigo Amado, Rafael Toral e Vítor Rua, entre outros. Compõe ainda para cinema e é o produtor de discos de Jorge Palma, Bunnyranch, Requiem e MAU. Em ambos os mundos que atravessa, nunca dele é de esperar o óbvio.

Duo

Luís Lopes / Flak

entrada 5 euros


Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: